Dieta do urso polar: os ursos na caçada

Autor: 
Julia Layton

No Ártico, os ursos polares encabeçam a cadeia alimentar. Tanto machos quanto fêmeas caçam e sua refeição favorita é a foca (em inglês), especialmente uma foca anelada ou uma foca barbada. Quando a caçada é especialmente boa, eles comem apenas a gordura da foca - que ajuda a aumentar o isolamento - e deixam o resto para trás. Os ursos maiores podem comer 45 quilos de gordura de foca em uma refeição [fonte: Polar Bears International (em inglês)].


Polar bears love a meal of fatty seal.
Rinie Van Meurs/ Foto Natura/Minden Pictures/Getty Images
Ursos polares adoram uma refeição de foca gorducha

Embora os ursos polares prefiram focas, eles são oportunistas. Eles comem qualquer coisa: desde baleias beluga até morsas [fonte: Polar Bears International (em inglês)]. Os ursos podem encontrar comida na terra se precisarem, atacando renas e roubando ninhos de pássaros (ovos de pássaros são um dos petiscos favoritos), mas não são bem adaptados para caçar em terra.

Ao contrário, seu poder está no gelo. Os ursos polares não podem nadar suficientemente rápido para apanhar uma foca na água e precisam de uma plataforma de gelo para usar toda a sua força para agarrar uma. Porém, com as temperaturas globais subindo, as placas de gelo do Ártico derretem mais cedo do que costumavam, reduzindo a área da superfície em que os ursos podem caçar. Isso também significa que quando os ursos polares perambulam pela terra podem acabar encalhados, porque a distância entre a terra e a camada de gelo mais próxima é muito longa para nadar de uma só vez.

Uma caçada começa com um aroma. Os ursos polares podem farejar focas distantes até 30 quilômetros, muitas vezes pelo cheiro deixado em seus orifícios para respiração [fonte: SeaWorld]. No outono, quando o gelo é mais fino, as focas cortam buracos no gelo e podem subir em busca de ar quando precisam. Os ursos polares encontram esses buracos de respiração e esperam, às vezes por vários dias, até que uma foca suba para respirar.

Quando um urso polar localiza uma foca, ele fica sobre as quatro patas, colocando delicadamente cada pata sobre o gelo para se manter silencioso. O urso então faz um mergulho raso através do buraco para capturar a foca com suas garras. Essas garras afiadas de 5 cm seguram a foca muito bem. Apesar disso, algumas vezes as focas escapam. Os ursos polares são conhecidos por ficarem agitados quando perdem sua presa, batendo no gelo ou arremessando blocos como uma espécie de mau humor. Quando a caçada é bem-sucedida, um urso irá compartilhar a caça com outros, desde que peçam adequadamente: mantendo-se abaixados, circulando a caça e ocasionalmente cutucando o caçador com seus focinhos.

O gelo está derretendo

O aquecimento global manteve a
população de ursos polares em declínio. A Rússia e o
Canadá
classificam os ursos polares como uma "espécie ameaçada" e o Serviço de Pesca e Vida Selvagem dos EUA
propôs adicionar os ursos polares na lista de "espécies em risco de extinção". Nenhuma
decisão ainda foi tomada.

Depois de comer, os ursos polares se limpam, o que é um dos motivos de serem tão brancos. Na verdade, os ursos polares têm a pele preto e os pêlos translúcidos que refletem a cor de neve e gelo, uma forma de camuflagem. Há um cuidado especial com relação aos seus pêlos pois os ursos precisam permanecer secos para manter o calor do corpo, eles se banham na água durante o verão e na neve durante o inverno, usando suas línguas para limpar as patas e os filhotes. Após uma boa refeição e um banho, eles sempre vão tirar uma soneca, sempre pela mesma razão: sua sobrevivência depende de conservação de energia. Depois de qualquer tipo de esforço eles se deitam e vão dormir por mais ou menos uma hora. Como para os humanos, o "repouso noturno" de um urso polar dura cerca de oito horas, embora possa acontecer tanto durante o dia quanto à noite. Os ursos passam a maior parte de seu tempo em 24 horas de escuridão e 24 horas de luz dependendo da estação, portanto o período diurno é basicamente irrelevante.

A vida no gelo é bem rotineira para um urso polar, a menos que seja uma fêmea grávida. A seguir, vamos ver como uma ursa polar se prepara para dar à luz e como ela cuida de suas crias.