Como se mede?

Autor: 
Alexandre Indriunas

Há dois aparelhos básicos para medir a umidade do ar: o psicrômetro e o higrômetro.

Psicrômetro

É constituído por dois termômetros de mercúrio idênticos que são expostos ao ar: um com o bulbo descoberto (bulbo seco) e o outro coberto por gaze umedecida (bulbo úmido). A água quando evapora da gaze, resfria o bulbo, assim quanto mais seco estiver, mais água perde e mais resfria o bulbo. Através da diferença de temperatura pode-se calcular a umidade relativa do ar.

Higrômetro

É constituído por substâncias que por sua capacidade de absorver a umidade do ar podem ser empregadas para medi-la. Sais de lítio alteram sua resistência elétrica conforme a quantidade de água que absorvem, e esta pode ser medida com um amperímetro e assim obter valores convertidos em umidade relativa do ar.

Mas há um material muito comum que também tem essa capacidade, os fios de cabelos. A variação do comprimento do fio está diretamente ligada à umidade que ele recebe, isso é fácil de observar após molhar o cabelo, ou em dias muito úmidos, nos quais alguns penteados são prejudicados e, como em dias secos, alguns cabelos ficam arrepiados. Você pode fazer um higrômetro usando uma fita durex para fixar um fio de cabelo em um papel, observando seu vai-e-vem. Coloque-o em uma sala com ar condicionado, onde a umidade é mais baixa, e depois em um banheiro, onde a umidade é mais alta e veja a diferença.