Como funcionam os percevejos

Autor: 
Julia Layton

Em 2006, os EUA viram ressurgir os percevejos. Muitos americanos nem ao sabiam que eles eram reais, já que os percevejos desapareceram do país depois da década de 50, quando impregnar com DDT uma casa infestada era uma prática comum e bastante eficaz. O DDT, porém, foi proibido há algum tempo. Esse fato e o crescimento das viagens internacionais são as causas mais prováveis para o aumento constante da infestação por percevejos, principalmente em cidades grandes dos EUA, nos últimos 10 anos ou algo em torno disso.

Percevejo-de-cama, também conhecido como Cimex lectularius
Foto cedida CDC
Percevejo-de-cama, também conhecido como Cimex lectularius

Os percevejos se alimentam do sangue das pessoas e de outros animais hospedeiros, como morcegos e pássaros, e sempre existiram. O Cimex lectularius, é o que mais comumente ataca seres humanos. Conhecida como percevejo-de-cama, essa espécie ganhou esse nome porque se alimenta principalmente quando seu hospedeiro está dormindo; então, a área de dormir (uma cama ou sofá) é a mais comum para que esses pequenos insetos se escondam, se alimentem ou depositem seus ovos (até cinco por dia).

Tipos de percevejos
Quando se fala em percevejo, a associação feita é logo com o percevejo-de-cama, como se ele fosse o único da espécie. Mas existem 20 mil espécies de percevejo no mundo, com cerca de 40 mil tipos. Eles são encontrados em todos os lugares - florestas, cidades, pântanos, mares e desertos, mas a maioria vive nos trópicos e subtrópicos. Os percevejos se alimentam de suco de plantas, em sua maioria, e podem ser encontrados em diversas cores, formas e "perfumes". Eis alguns tipos de percevejos:

Percevejo coreus marginatus tropical: tem as canelas traseiras em forma de folhas e cor alaranjada.

Percevejo-verde-do-mato (ioxa viridis): habita as florestas tropicais secas, é verde e tem um escudo triangular atrás da cabeça.

Percevejo-das-plantas (edessa rufomarginata): encontrado principalmente na Costa Rica.

Percevejo-predador (reduviidae) suga o sangue de outros insetos.

Percevejo-fogo: tem a forma ovalada com cores vermelho e preto. É o rei da camuflagem.

Poltronas, cadeiras estofadas, estrados de cama, fendas nas paredes e molduras, pilhas de roupa, buracos no teto para lustres e praticamente qualquer área escura e protegida são, porém, ótimas moradias para os percevejos. Geralmente, eles costumam preferir madeira em vez de metal. Os adultos têm apenas 0,64 cm de comprimento e são bastante achatados, então podem entrar em quase qualquer lugar. Os mais novos dificilmente podem ser vistos a olho nu. 

O percevejo tem uma camada externa em forma oval através da qual muitas vezes é possível ver o sangue de seu hospedeiro como um ponto escuro debaixo da superfície. Como muitos outros insetos, eles inserem uma extensão da "boca" parecida com uma seringa na pele do hospedeiro. Os percevejos-de-cama, na verdade, não têm preferência por uma parte específica do corpo: eles irão atacar qualquer parte exposta da pele. Pode levar algo em torno de três a dez minutos para que o percevejo fique satisfeito. O hospedeiro quase nunca acorda enquanto está sendo picado.

A picada deles é mais irritante do que realmente nociva, já que o inseto não transmite doenças para os humanos. Quando eles perfuram a pele com seus aparelhos bucais para sugar sangue, porém, liberam um pouco de saliva na pele machucada, e com o passar do tempo a exposição constante à saliva pode resultar em uma reação alérgica a picadas. Na maioria das vezes, isso significa mais coceira e inchaço do que se você tivesse sido picado por um pernilongo. Alguns remédios anti-histamínicos ou antiinflamatórios encontrados nas farmácias geralmente são tudo de que você precisa para acabar com o desconforto. As picadas ou a exposição à saliva não provocam reações alérgicas em algumas pessoas.

Na próxima página, saiba como começa uma infestação de percevejos e como se livrar deles.