Os cavalos que quebram a perna precisam ser sacrificados?

Autor: 
Jessica Toothman
­
fraturas em patas de cavalo

No Velho Oeste, um cavalo (em inglês) que tivesse uma perna quebrada poderia passar os últimos segundos de sua vida na mira da arma de um cowboy. Infelizmente, nos dias de hoje, esses animais ainda são geralmente sacrificados após sofrerem esse tipo de lesão, pois
têm pouquíssimas possibilidades de ter uma recuperação bem-sucedida. Os pesquisadores estão trabalhando
duro para tentar descobrir novas técnicas que aumentem as chances de um cavalo
diante de uma fratura. Por enquanto, a cura ainda parece distante.


Cavalo

istockphotos
 Uma perna fraturada pode ser o fim de da carreira e também da vida de um cavalo

A cura da perna de um cavalo é difícil devido a uma combinação de fatores. Suas pernas devem absorver um impacto considerável, já que seu corpo pesado galopa em alta velocidade. Os cavalos praticam bastante atividade física, o que pode levar à deterioração dos ossos da perna e a um risco maior de queda. Outra coisa a ser considerada é a quantidade de ossos que eles têm na perna. Dos 205 que formam o corpo todo de um cavalo, 80 ficam nas pernas. O complexo sistema de articulações, ossos, ligamentos, tendões, cartilagem, lubrificante, lâminas e cascos, que contribui para a sua incrível velocidade, também pode ser a causa de sua queda. Além disso, entre 60 e 65% do peso de um cavalo concentram-se nas suas pernas dianteiras - é por esse motivo que a maioria das lesões ocorre nelas.

Muitos problemas podem afetar as pernas dos cavalos, como inflamação, osteoartrite (em inglês), problemas nas articulações, doenças e, naturalmente, ossos quebrados (em inglês). A recuperação é mais complicada porque os cavalos não podem ficar deitados o tempo todo. Eles foram feitos para permanecer em pé a maior parte do tempo, inclusive enquanto dormem. Por serem possíveis presas, devem estar prontos para correr o mais rápido possível, motivo pelo qual ficam na ponta dos dedos (ou dos cascos, para ser mais preciso).

O círculo de vencedores

A segunda colocada do Kentucky Derby 2008, Eight Belles, foi sacrificada na pista depois de ter fraturado inexplicavelmente seus dois tornozelos dianteiros, logo após o final da corrida. Barbaro foi o campeão do Kentucky Derby em 2006, mas sofreu uma queda no Preakness Stakes pouco tempo depois. Ele lutou durante meses para se recuperar, mas foram muitas as complicações pós-operatórias e o animal acabou sendo sacrificado em 29 de janeiro de 2007.

Agora que já sabemos porque as pernas de um cavalo são tão importantes para sua saúde geral e seu desempenho, vamos descobrir o que acontece quando elas se quebram e se o animal terá que ser sacrificado.